Pagina-afbeeldingen
PDF
ePub

feitos, e outros semelhantes generos, com os quaes lhes estão fornecendo de Tafelbay os Hollandezes e da Mauricia os Francezes.

Do COMMERCIO INTRINSECO DAS MINAS DO OURO COM RESPEITO

Á COMARCA E CIDADE DA BAHIA, DESCREVENDO-SE
EM BREVE O ESTADO ANTIGO DELLE, E ENTRANDO-SE NO
PARALLELLO DO ACTUAL E DESCOBRINDO-SE A CAUSAL,
PORQUE ELLE INTEIRAMENTE TEM CESSADO,

REDUZINDO-SE A QUASI EXTINCTO.

a

Quando aquellas preciosas Minas do ouro forão descobertas, quando successivamente outras muitas se forão descobrindo, quando ellas estavão mais ricas, quando finalmente a lavra deste genero era muito mais facil, porque tambem a invenção era muito mais prompia por dois principios: 1.0 porque este genero era achado á flor da terra, e não se achava tão entranhado, como hoje ; 2.o porque os lugares opportunos não estavão tão batidos; concorrendo para estes descobrimentos quasi todos os ambiciosos apressadamente, sendo promptos em acharem o precioso que buscavão, erão promptos tambem com franqueza a virem buscar á Bahia tudo quanto precisavão, entregando o ouro em pessoa por escravos e por fazendas. Como estavão ricos, erão lizos nos seus contratos, e houve então tanta concurrencia de ouro, de Commercio, e de permutações, que nessa época se Lançarão huns alicerces, que parecião de bronze, a muitas das casas de Commercio, que se engrossárão, e a outras que de novo se erigirão. Felizes tempos ! O ponto estava em que elles durassem! Homens houverão que invejando a fortuna dos outros, propondo-se a fazer huma especie de travessia a ouro, com bestas, escravos e fazendas o hião esperar ao caminho, sahindo-lhe ao encontro, assentando a Mascataria nas em buscadas do ouro, e nas encruzilhadas dos caminhos muito ao longe ; os que escapárão á desgraça, ficarão possuindo huma brilhante fortuna, do que ainda entre nós mesmos há vestigio, e alguns herdeiros.

Porém como aquelles grossos alicerces erão assentados sobre o lodo das usuras, e dos contratos imperfeitos, abateo-se o templo da ambição, ficarão perdidos os que não escapárão á desgraça, ficando supplantados nas ruinas, que não deixará de ser communicadas aos que olhando para ellas a salvo fugirão ; porque a praguejada riqueza por maldição, tendo dentro de si o direito da restituição, posto que a principio se perpetuasse, não tem passado sem abatimentos das terceiras gerações,

Em aquelles ditosos tempos, em que tudo corria bem, os contratos, e as permutações se aperfeiçoavão com o equivalente do ouro; as Casas das Moedas, e das Fundições com folhas dobradas batião de dia, e noite, e por muitos e muitos annos a da Bahia, salvando todas as suas exorbitantes despezas, salvava tambem para a Real Fazenda de Direitos mais de........ 10:000$ooo rs; porém hoje inanida, e ociosa passa o tempo em ferias, pagando-se os ordenados aos Officiaes, que no descanço esperão pelo que nunca desce.

Feitas em as Minas do ouro as invenções do que se podia fazer, ainda que os especuladores deste genero gastem o tempo em o farejar inutilmente; posto que aos Intendentes do ouro suppliquem novas licenças para este fim, assim que descobrem huma simples veia de ouro, que de ordinario he huma daquellas, de que seus antecessores não fizerão caso, obtendo-as com franqueza, e entregando-se a este trabalho inane, e infructifero, os descendentes dos Mineiros ricos, que se não retirarão, e ainda aquelles mesmos, que ficarão existindo, nelle tem reposto com perda, e restituição á terra tudo quanto della extrahirão.

O mesmo sem distincção, e correlativamente tem succedido aos ricos Commerciantes, que com saudade das cebolas do Egypto sepultarão no supprimento grandes sommas, que mandarão suas carregações, que entrarão a fiar para as Minas os seus generos, e as suas fazendas, ficando só tendo por lucro os saldos, e os avanços, que existem ainda hoje sommados nos algarismos ferrugentos, e encanecidos, que servem de bases ás compridas columnas, que se achão lançadas nas longas paginas do bastardo papel, que numeradas formalizão o grosso livro, por quem ainda hoje esperão miseraveis herdeiros, que só querem por seus despachos Regias Cartas executivas.

Os novos Commerciantes a exemplo dos seus antecessores, medindo as suas perdições, hoje nada querem vender fiado para aquellas Minas, e Certões ; e porque só vendem a dinheiro, por isso mesmo pouco, ou nada vendem : e eisaqui o estado actual daquelle Commercio, a causa, e a razão, porque elle tem desapparecido, e se acha quasi extincto. Os Commerciantes, aprendendo á custa alheia, se conservão firmes no desengano de não fiarem para não perderem. O mesmo, e outro tanto desengano devião tomar os la. vradores do ouro, sentindo a sua perda, esquecendo-se do passado, não teimando no desforre, e na recuperação ambiciosamente, tendo por norma de viver, e de se conduzir os lavradores de canas, e do tabaco, que trabalhando em producções mais seguras, são mais ricos, do que elles; e se tudo isto os não desengana, até mesmo o acto, de que huns e outros lavradores recebem em si huma grande porção do ouro, sem que se proponhão tirar o coração á terra no desamparo, e a revelia lhes servirá de maior desengano á futura idade.

a

e

Doc. n. 5504 do Catalogo da Exposição

de Historia do Brasil.

REGISTO

DA

FOLHA GERAL

DO

ESTADO DO BRAZIL

REGISTO

DA

FOLHA GERAL DESTE ESTADO

por hum traslado delle, que veio de Pernambuco Sobscrito e assignado por Manoel Mendes de Vasconcelos Escrivão da Fazenda a fis aqui trasladar para clareza

dela por não aparecer o Original

Eu El Rey. Faço saber aos que este Alvará virem que vendo eu como o Rendimento do Estado do Brazil que pertence a minha fazenda se dispende sem ordem, nem forma conveniente a meu serviço nos pagamentos que se fazem 2o Ecclesiastico daquelle Estado, e aos Ministros de Justiça, Milicia, e Fazenda delle, edezejando que o que se nisto gasta seja com tão boa ordem, e Regra certa de maneira que se saiba o que fica para minha Fazenda. E que as partes sejão pagas de seos ordenados, ordinarias, soldos, e tenças sem haver as duvidas, que ate agora se moverão, mandei ordenar esta Folha de todas as ditas despezas para que conforme a ella o Provedor mor de minha Fazenda, e os mais Provedores, e Almoxarifes, e Officiaes a que tocar fazerem pagamento às partes se governem guardando inteiramente, e cumprido o que nela se contem, e fazendo-se conforme à ella as Folhas particulares de cada Capitania, como ategora se fizerão por que assî o hei por meo Serviço, com declaração que tudo o nesta Folha conteudo, seja levado em conta aos Officiaes de minha fazenda, eo que fora della dispenderem não se lhe fará dispeza delle, salvo o que se gastar nas dispezas extraordinarias do Estado conforme ao Regimento do Governador, e o 7 de novo se mandar dispender por Provisoens, Regimentos, e Cartas minhas, ou o que constar por algua Provizão particular de aqui por falta de informação se não faça menção. E mando a Dom Luis de Souza

« VorigeDoorgaan »