Obras completas do cardeal Saraiva (d. Francisco de S. Luiz) patriarcha de Lisboa: precedidas de uma introducção pelo marquez de Rezende, Volume 5

Voorkant
Imprensa Nacional, 1875

Vanuit het boek

Geselecteerde pagina's

Inhoudsopgave

Overige edities - Alles bekijken

Populaire passages

Pagina 95 - Algarves daquem, e dalem Mar em Africa Senhor de Guiné e da Conquista, Navegação, e Commercio da Ethiopia, Arabia, Persia, e da India.
Pagina 315 - Vereis este, que agora pressuroso Por tantos medos o Indo vai buscando, Tremer delle Neptuno, de medroso, Sem vento suas aguas encrespando.
Pagina 245 - Tete eSenna : destes á barra de Quilimane : de Quilimane se vai por terra e por mar a Moçambique: de Moçambique em um mez a Goa. Que haja a tal lagoa dizem-no não só os cafres , senão portuguezes que já lá chegaram , navegando pelos rios acima, e por falta de premio se não tem descoberto atégora este caminho.
Pagina 96 - Aqái espero tomar, se não me engano, De quem me descobrio summa vingança; E não se acabará só nisto o dano De vossa pertinace confiança; Antes em vossas naos vereis cada anno (Se he verdade o que meu juizo alcança) Naufragios, perdições de toda sorte, Que o menor mal de todos seja a morte.
Pagina 245 - E tambem o rio Chire, que, cortando por muitas terras, e ultimamente pelas do Rondo, se vai ajuntar com o rio de Cuama, para baixo de Sena.
Pagina 245 - O caminho de Angola por terra á índia não é ainda descoberto, mas não deixa de ser sabido, e será facil em sendo cursado, porque de Angola á Lagoa Zachaf (que fica no sertão da Ethiopia, e tem de largo quinze leguas, sem até agora se lhe saber o comprimento) são menos de duzentas e cincoenta leguas.
Pagina 189 - No cume desta serra da parte do noroeste se achou uma estatua de pedra, posta sobre uma lage, que era um homem em cima de um cavallo em osso, eo homem vestido de uma capa como bedem, sem barrete, com uma mão na coma do cavallo, eo braço direito estendido, e os dedos da mão encolhidos, salvo o dedo segundo, a que os latinos chamam index, com que apontava contra o poente. Esta imagem, que toda sahia macissa da mesma lage, mandou el-rei D. Manuel tirar pelo natural por um seu criado debuxador, que...
Pagina 189 - Mas a verdade foi que a quebraram por máo azo, e trouxeram pedaços delia, a saber: a cabeça do homem, eo braço direito, com a mão, e uma perna, ea cabeça do cavallo e uma mão que estava dobrada e levantada, e um pedaço de uma perna ; o que tudo esteve na guardaroupa d...
Pagina 189 - Manuel tirar pelo natural por um seu criado debuxador, que se chamava Duarte Darmas, e depois que viu o debuxo, mandou um homem engenhoso, natural da cidade do Porto, que andara muito em França e Itália, que fosse a esta ilha para com aparelhos, que -levou, tirar aquella antigualha: o qual quando...

Bibliografische gegevens