Pagina-afbeeldingen
PDF
ePub

cortaram as amarras e navegaram até á arrebentação, onde ficaram encalhados, perdendo o capitanea o leme. Os nossos collocaram-se perto e atiraram com a artilharia; o inimigo tambem atirou sobre os nossos, mas não lhes fez mal algum. Entretanto, vendo que aquelles já estavam perdidos, e pouco mal se lhes poderia fazer mais, os nossos tomaram outro rumo; duas caravellas escaparam e chegarani ao Rio Grande.

No dia 28, chegou da Republica o yacht Campen, com 79 soldados, e o Gores, com 110.

No ultimo de Outubro, chegou o yacht Windt-hondt, depois de haver visitado o logar, onde as duas caravellas mencionadas acima haviam navegado, em frente á Bahia Formosa, e viu que os navios do inimigo descarregaram e que o flibote tirara as vergas e mastaréus e que ambos estavam com os dados livres, mas dali a pouco fizeram-se em pedaços.

Os dous eram navios dunquerquezes, que pretendiam levar, juntamente com as caravellas, cerca de 500 ou 600 homens para alli, e voltaram juntos para a patria.

O inimigo fez um fortim na barra de Conhaú, e emprehendeu a construcção de um navio; falaremos sobre esse ponto mais tarde.

Chegaram : no dia 7, o Gondt-Vinck, mandado com 80 caixas de assucar tirado de um armazem em Porto Francez; no dia 8, o Arara, com 40 caixas de assucar; e no dia 9, toda a esquadra sahida a 11 de Outubro; capturaram ao todo 210 caixas.

O inimigo, nesse interim, tendo sabido que os seus navios haviam sido destruidos na Parahyba e ancioso de receber as munições que ficaram escondidas, mandou sete barcos ligeiros para trazel-as á Parahyba por dentro do recife.

Os srs. delegados, uma vez avisados disso, expediam contra o inimigo, no dia 15 de Novembro, o commandeur Licht-hart, com as chalupas Ceulen e Spieringh, levando, além da tripulação usual, 30 soldados cada uma.

O commaudeur Licht-hart chegou no dia 17 em frente á Parahyba, junto á esquadra; tomou ainda dos navios alguns botes com gente, e entrou na bahia, navegando com os mesmos para a barra do rio de Conhaú, onde estavam os sete barcos acima mencionados, promptos para seguirem, em um dia ou dous, par:: a Parahyba, para o que lhes foram deixados 70 soldados, afim de comboial-os.

O commandeur Licht-hart, apesar disso, investiu tão corajosamente contra o inimigo, que este abandonou os barcos e fugiu para terra, através de um matto pantanoso, que fica sempre inundado na enchente. O commandeur, no yacht Ceulen, approximou-se da costa o mais possivel, e causou grande damno aos fugitivos com mosquetes e dous canhõesinhos de bronze (que tinha a bordo); aquelles estando atolados até aos joelhos no pantano, mal podiam escapar. Depois disso os nossos saquearam os barcos, tirando delles tudo que prestava e que puderam levar, e atearam-lhes fogo, destruindo muita munição e algum.rs peças.

O commandeur, depois de tudo incendiado e depois que a nossa gente obtere bom espolio, navegou para o mar e deu caça a uma caravella, a qual se escapou, por dentro do recife. Elle perseguiu-a até lá e tirou-a, mas já havia descarregado

[merged small][ocr errors][ocr errors][merged small][ocr errors][ocr errors]
[ocr errors][ocr errors][ocr errors][ocr errors]

AFBEELDINGHE VAN T'FORT OPRIO

VAN TFORT OP RIO GRANDE ENDE BELE GERINGHE .

[ocr errors][subsumed]
[ocr errors]
[merged small][ocr errors][ocr errors][ocr errors][merged small][merged small]

t Fort Tres Reyes

ly ou granat t'Fort Ceulen

TIecond Rurser

Tallery Yale Mon

Dragiles de metale

Droc.ghter see met

den and Doport

gety den onder Lopen

de Rierver

[ocr errors][merged small][ocr errors]
[graphic]
« VorigeDoorgaan »