Zoeken Afbeeldingen Maps Play YouTube Nieuws Gmail Drive Meer »
Inloggen
Boeken Boek
" Onde pode acolher-se um fraco humano, Onde terá segura a curta vida, Que não se arme e se indigne o Céu sereno Contra um bicho da terra tão pequeno? "
Obras de Luiz de Camões: Vida de Luiz de Camões. Elogios dedicados a L. de ... - Pagina 97
door Luís de Camões - 1860
Volledige weergave - Over dit boek

Os Lusiadas de Luiz de Camões, Volumes 5-8

Luís de Camões - 1873 - 266 pagina’s
...da vida nunca certo! Que aonde a gente põe sua esperança Tenha a vida tão pouca segurança! 106 No mar tanta tormenta e tanto dano, Tantas vezes a...guerra, tanto engano, Tanta necessidade aborrecida! Onde pôde acolher-se hum fraco humano? Onde terrá segura a curta vida, Que não se arme, e se indigne...
Volledige weergave - Over dit boek

Os Lusiadas, Lief. Vergleichung der besten Texte, mit Angabe de ...

Luis Vaz de Camoens - 1874 - 390 pagina’s
...da vida nunca certo! Que aonde a gente poe sua esperança, Tenha a vida tao pouca segurança! CVI. No mar tanta tormenta e tanto dano, Tantas vezes a morte apercebida! 3 Na terra tanta guerra, tanto engano, Tanta necessidade aborrecida! Onde pode acolher-se um fraco...
Volledige weergave - Over dit boek

The Lusiads, tr. into Engl. verse by J.J. Aubertin, Volume 1

Luis Vaz de Camoens - 1878 - 356 pagina’s
...vida nunca certo ! Que, aonde a gente põe sua esperança, Tenha a vida tão pouca segurança ! cvi. No mar tanta tormenta, e tanto dano, Tantas vezes...Tanta necessidade aborrecida ! Onde pode acolher-se hum fraco humano, Onde terá segura a curta vida ? Que não se arme, e se indigne o Céo sereno Contra...
Volledige weergave - Over dit boek

Portuenses illustres, Volume 3

Sampaio Bruno - 1908 - 424 pagina’s
...em severo distico, a estrophe de Camões nos Lusíadas, assim: No mar tanta tormenta e tanto damno, Tantas vezes a morte apercebida! Na terra tanta guerra,...tanto engano, Tanta necessidade aborrecida ! Onde pôde acolher-se um fraco humano ? Onde terá segura a curta vida Que não se arme e se indigne o Céu...
Volledige weergave - Over dit boek

Lusíadas

Luís de Camões - 1913 - 424 pagina’s
...vida nunca certo ! ,' Que aonde a gente põe sua esperança, Tenha a vida tão pouca segurança l CVI No mar tanta tormenta e tanto dano, Tantas vezes a morte apercebida !— -p Na terra tanta guerra, tanto engano, Tanta necessi.iade aborrecida \ "-C •• Onde pode acolher-se...
Volledige weergave - Over dit boek

A bôa madrasta

Xavier Marques - 1919 - 278 pagina’s
...pique. Onde encontrar então a segurança? Acudiram-lhe as rimas do poeta: «Onde pôde acolher-se um fraco humano, «Onde terá segura a curta vida? «Que não se arme e se indigne o céo sereno «Contra um bicho da terra tão pequeno ?» Abrantes contemplou ainda por...
Volledige weergave - Over dit boek

Os lusiadas: poema epico ...

Luís de Camões - 1920 - 526 pagina’s
...vida nunca certo ! Que aonde a gente pô"e sua esperança Tenha a vida tão pouca segurança ! CVI No mar tanta tormenta e tanto dano, Tantas vezes a...fraco humano ? Onde terá segura a curta vida, Que n3o se arme e se indigne o Ceo sereno Contra hum bicho da terra tão pequeno (179)? (178) Logo que...
Volledige weergave - Over dit boek

O genio de Camões, Os Lusiadas: ensaio critico

Affonso Costa - 1921 - 252 pagina’s
...pente põe sua esperança Tenha a vida tão pouca segurança ! No mar tanta tormenta e tanto damno, Tantas vezes a morte apercebida! Na terra tanta guerra, tanto engano, Tanta necessidade avorrecida! Onde pode acolher-se um fraco humano? Onde terá segura a curta vida, Que não se arme,...
Volledige weergave - Over dit boek

Ensáios de crítica e estética

Henrique de Vilhena - 1922 - 288 pagina’s
...poeta dos navegadores. Acodem-me à memória, emquanto em tudo vou pensando, versos do grande poeta. «No mar tanta tormenta e tanto dano, Tantas vezes a morte apercebida !» «Depois de procellosa tempestade, Nocturna sombra e sibilante vento, Traz a manhã serena claridade,...
Volledige weergave - Over dit boek

Vieira do Minho: noticia histórica e descriptiva

José Carlos Alves Vieira - 1923 - 572 pagina’s
...gente põe sua esperança Tenha a vida tão pouca segurançaÉ! No mar tanta tormenta e tanto damno, Tantas vezes a morte apercebida! Na terra tanta guerra, tanto engano. Tanta necessidade aboirecida! Onde pôde acolher-se um fraco humano? Onde terá segura a curta vida, Que não se arme...
Volledige weergave - Over dit boek




  1. Mijn bibliotheek
  2. Help
  3. Geavanceerd zoeken naar boeken
  4. ePub downloaden
  5. PDF downloaden